Home / Curiosidades / Entenda TUDO sobre a polêmica da nova HQ do Capitão América

Entenda TUDO sobre a polêmica da nova HQ do Capitão América

Na última semana, a Marvel lançou uma nova saga do Sentinela da Liberdade, Steve Rogers: Captain America #1, que conta a história de Steve de uma maneira nunca vista antes, deixando muitos fãs surpresos com seu desenvolvimento, colocando o Capitão América em uma situação chocante.

Nas últimas histórias, o soro do super-soldado havia sido drenado de seu corpo, deixando Steve velho e fraco. Agora, nessa nova edição, ele volta a ação, mais jovem e em forma, porém, com alguns flashbacks que mostram uma ligação de sua família com a organização nazista conhecida como Hydra. Além disso, na última página da história, é revelado que, ao que tudo indica, o Capitão trabalha para Hydra até os dias de hoje.

As reações para esse acontecimento foram em maior parte extremamente negativas, deixando boa parte dos fãs revoltados, o que gerou uma gigantesca repercussão do caso. Mas será que essa não era justamente a intenção da Marvel, escrever um absurdo desses, a fim de promover a revista, que agora todo mundo conhece, para depois explicar que não foi bem isso que aconteceu?

De acordo com Tom Brevoort, editor executivo da Marvel e editor de Capitão América: Steve Rogers #1, em entrevista a Newsarama, a reação dos fãs foi uma surpresa para a companhia:

“Eu acho que é justo dizer. Nós certamente sabíamos que seria um grande livro, e um livro chocante, e um livro controverso. Nós não prevíamos o algo extremo e extenso que se tornou. Então, sim, nós definitivamente fomos pegos de surpresa por quão grande isso se tornou”

“Muitos sites, ao relatar que “Capitão América é um nazista”, fazem com que pessoas que nem sequer leram o trabalho reajam com indignação, porque eles entendem o que o Capitão América é, mesmo que nunca tenha lido um livro em quadrinhos. Eles viram os filmes, eles já o viram em animação, ou em prateleiras de brinquedos, ou camisetas. Capitão América como um ideal representa algo e significa algo para as pessoas, mesmo que não está seguindo suas aventuras mês a mês. Então, um monte desses fãs mais casuais estão indignados, mas eles estão indignados com base em relatos”

Ainda durante a entrevista, diante a uma pergunta direta sobre o Capitão América ser ou não um agente da Hydra, Brevoort respondeu:

“Eu vou dizer a mesma coisa que eu venho dizendo. Capitão América: Steve Rogers # 2 irá explicar exatamente, por que e exatamente como estamos e onde estamos. E como sairá em algumas semanas, as pessoas serão capazes de compreender o que essa última página, na verdade, significa, e o que ela representa para o Universo Marvel adiante.
Ao mesmo tempo, enquanto eu gostaria de acabar com todo o medo e a indignação sobre isso, eu tenho que proteger a história, então eu não posso dizer o que essa história é, antes de lançar o livro. As respostas às suas perguntas são, literalmente, uma questão de distância”

Bom, ao que me parece, tudo isso não passa de mais uma estratégia (que aliás deu muito certo) para atrair leitores e popularizar o caso, mas a única conclusão concreta que podemos tirar de tudo isso é que nada será completamente entendido até o lançamento das próximas edições.

Comentários

Sobre Natan Falconi

Natan Falconi

Apenas um estagiário tentando não fazer besteira, afinal, com grandes poderes vêm grandes responsabilidades.

Confira também

Conheça os atores que perderam a chance de atuar em Star Wars

Sabe aquela sensação de sair de uma entrevista de emprego com aquele sentimento de que …